Chá de aroeira para gastrite vai resolver seus problemas

0
593

A planta também consegue diminuir a acidez estomacal, combatendo à bactéria Helicobacter pylori

Para lidar com doenças que causam desconforto para as pessoas, muitas delas recorrem a tratamentos médicos, o que é mais do que indicado. Mas, em alguns casos, esse tratamento pode ser complementado com a utilização de ervas medicinais, como pode ser no caso do tratamento da gastrite. Segundo a sabedoria popular, uma das formas de combatê-la é através do uso da aroeira.

Conhecida como uma planta pertencente à família Anacardiaceae, a aroeira possui entre 60 e 80 gêneros, com mais de 600 espécies conhecidas. Porém, a mais indicada nos casos relacionados aos tratamentos alternativos é a aroeira mansa. Trata-se de uma árvore de pequeno porte, onde podem ser utilizadas as folhas e casca com propósitos medicinais.

É importante ressaltar que a aroeira pode ser usada no tratamento de muitas doenças, além da gastrite. Ela auxilia no tratamento de azia, febre, cistite, uretrite, diarreia, blenorragia, tosse, bronquite, reumatismo, íngua, dor de dente, gota e ciática. As folhas da planta são balsâmicas e frequentemente usadas para curar feridas, erisipela, infecções cutâneas causadas por bactéria.

A planta também consegue diminuir a acidez estomacal (Foto: Reprodução | Wikimedia Commons)

A aroeira para a gastrite

A aroeira é uma planta que possui propriedade analgésica, anti-inflamatória, depurativa e antiácida, por esse motivo ela pode ser usada em tratamento de gastrite e úlcera. No corpo humano, a planta diminui a acidez estomacal, ajudando no combate à bactéria Helicobacter pylori.​ A planta já motivou diversas pesquisas ao redor do mundo, sobretudo devido a indicação de uso no tratamento de gastrite.

Sobre a gastrite

A gastrite é conhecida como sendo uma doença inflamatória do revestimento do estômago. Dependendo da intensidade que atinge o paciente pode aparecer de forma branda, conhecida como gastrite aguda, ou então durar bem mais tempo (gastrite crônica).

Uma das causas mais apontadas para o desenvolvimento da doença é afraqueza da barreira mucosa que protege a parede estomacal. Isso acaba fazendo com que os sucos digestivos danifiquem os tecidos que revestem o estômago. A doença pode aparecer devido a fatores naturais, como a idade ou por meio de maus-hábitos, como o alcoolismo, estresse, uso de drogas e grande quantidade de analgésicos.

Alguns dos principais sintomas que podem identificar a gastrite são: indigestão, queimação, azia, náuseas, vômito, dores abdominais e a perda de apetite. Para os casos mais graves ainda pode ser identificado sangue no vômito ou fezes escuras. Ao menor sinal de qualquer um desses sintomas, o médico deve ser procurado.

Chá de aroeira contra gastrite

Como já foi dito, um dos melhores remédios naturais para combater a gastrite é a aroeira. Ela pode ser usada através do preparo do chá. Para isso você vai precisar de um litro de água filtrada e quatro pedaços da casca da aroeira.

 

Com ajuda de uma panela com tampa, coloque a água para ferver. Assim que estiver borbulhando, acrescente a casca da erva e deixe ferver por cerca de 10 minutos. Passado esse tempo, desligue o fogo e deixe a mistura repousar por mais 10 minutos.

O passo seguinte é utilizar uma peneira fina para remover a casca do líquido. Depois disso, o chá estará pronto para ser ingerido. A indicação é que a bebida seja consumida várias vezes ao dia como substituto da água.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here