Na reta final do “BBB 18”, quem tem mais chances de ser campeão?

0
5162

Se, nos tempos de Pedro Bial, o Big Brother Brasil era chamado de “nave”, hoje, o jogo é diferente. Sob o comando de Tiago Leifert, o BBB 18 ganhou uma conotação mais, digamos, “infantil” e virou um grande playground em rede nacional.

Não à toa, o apresentador usa o bordão “Fogo no parquinho!” cada vez que alguma “treta” movimenta o programa. No reality show, as “crianças” pregam susto nos coleguinhas, ficam de castigo, fazem guerra de travesseiros e, muitas vezes, levam bronca da produção por exagerarem na dose.

A “voz do além”, que tudo pode e tudo vê, chegou a alertar os brothers sobre formas de diversão violentas demais que poderiam levar até a expulsão de quem passar da conta. Na reta final, seis integrantes (cinco jogadores, contando a família Lima como um só) que se comportaram melhor disputam a preferência do público — e a bolada milionária.

A partir dos pontos fortes e fracos deles, fizemos apostas dos favoritos ao prêmio de R$ 1,5 milhão. A final será na próxima quinta-feira, dia 19. Espia!

Kaysar: história de vida sofrida

Brincalhão, jogador calculista ou um homem sofrido que sonha em dar uma vida melhor à família? Kaysar pode ser de tudo um pouco conforme a situação.

Algumas atitudes dele chegaram a machucar os outros participantes. Como foi o caso de Ayrton, magoadíssimo com a indicação do até então amigo do peito.

O sírio ainda provocou discórdia na época em que se aproximou de Patrícia e de Diego, os “inimigos”. Com a saída da dupla, Kaysar ficou amigão de Jéssica, com direito a carícias sob o edredom.

Nessa reta final, será que ele irá brincar sozinho ou encontrará aliados para sobreviver até o último dia? Nas redes sociais, uns amam o brother, mas tem quem o odeie.

Gleici: com ares de mocinha

Gleici foi expulsa da brincadeira, mas ganhou uma segunda chance no falso paredão do dia 6 de março.

Ao retornar ao jogo, em grande estilo, com direito à frase de novela (“Vocês não imaginam o prazer que é estar de volta”), lembrando o retorno de Clara (Bianca Bin) em O Outro Lado do Paraíso, a acreana provocou os jogadores e sacudiu o jogo.

Aos poucos, foi murchando, mas continua entre as favoritas por conta de sua história de vida difícil. Até mesmo durante os atritos com Diego e Patrícia, seus maiores desafetos, Gleici manteve a linha e não chegou a manchar a sua imagem diante do público.

Entre um paredão e outro — foram quatro, incluindo o que levou a sua falsa eliminação — , Gleici teve até um namorico com Wagner. O flerte começou infantil e lento demais para o gosto do público, mas engrenou até a saída do rapaz, na semana passada.

A amizade com Ana Clara fortaleceu Gleici – pelo menos, até um paredão separar as BFF (best friends forever, melhores amigas para sempre). Ela conta ainda com a proteção de Ayrton e com a amizade de Kaysar.

Essa Família Lima é muito unida

Meninona transparente e o Papito da turma

A família Lima se manifesta de maneiras bem distintas. Enquanto Ayrton faz a linha “paizão” — e não à toa, é chamado de “Papito” —, Ana Clara é a birrenta da turma, faz beicinho quando é contrariada, tira satisfação e tenta estragar a brincadeira.

É o tipo da criança que diz “a bola é minha, eu faço as regras do jogo”. Por outro lado, já brincou com todo mundo — até “de médico” com Breno —, sabe apoiar quem a apoia e, nas redes sociais, faz sucesso por ser autêntica.

Paula: pega sem medo de ser feliz

Paulo Belote / TV Globo/Divulgação
Não te contradiz, superpoderosa
Paulo Belote / TV Globo/Divulgação
Paula é a menina empoderada e sensata do grupo. Tem uma visão coerente do jogo. Dificilmente, briga com os amiguinhos e tenta se enturmar até com quem não a suporta. Foi o caso de Patrícia, que deixou clara sua implicância com a empresária. Do embate, quem saiu fortalecida foi Paula, enquanto Pat deixou o parquinho com a popularidade lá embaixo.

O que pode atrapalhar o jogo da moça é justamente o que a manteve firme até agora: o romance com Breno.

Na reta final, chegou a bater boca com Ana Clara, sua amiga desde o início. Tudo porque, lá atrás, disse que esperava chegar à final com a família Lima, mas, no último paredão, o voto dela foi para Ayrton e para a sua fiel escudeira.

Breno: quietinho, só observa

Vai chegando pelas beiradas
Paulo Belote / TV Globo/Divulgação
Todas querem brincar com… Breno! E, durante o BBB 18, três meninas ficaram bem íntimas do goiano: Ana Clara, Jaqueline e Paula.

Forte e eficiente nas provas de resistência, é um bom jogador e tem chances de chegar à final, dependendo do desafio que vier pela frente. É o típico “galã” subestimado pelos amiguinhos, por acharem que ele só quer namorar e não leva a vida tão a sério.

No fundo, é o mais observador e sensato, vota pela coerência e não pelo coração. Enquanto os coleguinhas brigam por bobagem, lá está ele, tranquilão, só de olho.

E aí, qual é a aposta de vocês para ganhar esse BBB?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here